Início » Funcionário de lava jato é preso após furtar cartão de crédito de cliente e realizar várias compras em Catalão 

Funcionário de lava jato é preso após furtar cartão de crédito de cliente e realizar várias compras em Catalão 

de diantedofato
0 Comentário 1117 visualizacão

O funcionário de um lava a jato de Catalão foi detido suspeito de ter furtado o cartão de um cliente e realizar várias compras.

A vítima procurou a Polícia Civil e informou que recebeu várias mensagens em seu celular, onde seu cartão estava sendo usado. O homem foi até seu veículo e não encontrou o cartão de crédito.

Funcionário de lava jato é preso após furtar cartão de crédito de cliente e realizar várias compras em Catalão 

A vítima disse a Polícia que teria esquecido sua carteira com documentos e cartões de crédito dentro do carro no momento que foi para lava jato.

Segundo informações, o veículo foi entregue para vítima no final do dia, logo em seguida o cartão começou a ser usado.

A vítima disse aos policiais que imediatamente ligou para o dono do estabelecimento e informou que teria esquecido uma carteira com documentos e cartões de crédito dentro do carro e que compras haviam sido realizadas em seu nome.

Ao ser indagado pelos policias, o funcionário confessou ter furtado o cartão de crédito, após realizar várias compras o funcionário disse a pm que jogou o cartão fora dentro do córrego pirapitanga.

Os policiais deram voz de prisão ao funcionário do lava jato, em seguida ele foi encaminhado à Central de Flagrantes.

Veja a nota emitida pela Policia Civil

A Polícia Civil, por intermédio da 1ª Delegacia Distrital de Polícia de Catalão, com apoio da equipe do Grupo “A” da Central de Flagrantes, prendeu em flagrante delito um suspeito, de 18 anos, lavador de carros, pelo crime de furto qualificado mediante abuso de confiança e fraude. Conforme a investigação, ontem (18/7) a vítima deixou seu veículo num lava-jato na região central de Catalão, retirando-o no final da tarde. Entretanto, já na noite passada, a vítima começou a receber notificações de débitos num de seus cartões de crédito, tendo então, hoje (19/7) pela manhã, procurado a Polícia Civil e comunicado o fato, cujos gastos já somavam quase R$ 500.

Diante da situação e dos indícios de que o cartão poderia ter sido subtraído no lava-jato, a PC iniciou investigação e conseguiu identificar e localizar o suspeito, funcionário do estabelecimento, o qual teria subtraído o cartão e realizado compras no comércio local. Encaminhado à 1ª DDP, o autor recebeu voz de prisão, foi autuado em flagrante e, por ocasião do seu interrogatório, confessou a prática criminosa e que teria “dispensado” o cartão hoje de manhã no córrego Pirapitinga. Em seguida foi encaminhado ao sistema prisional e encontra-se à disposição do Poder Judiciário.

0

You may also like

Escreva um Comentário